Procurando estratégias para combater a insônia? Saiba que esse distúrbio é bastante comum e atinge pessoas de todas as idades. Sua principal característica é a falta de sono ou dificuldade para dormir continuamente.

Os sintomas aparecem quando estamos ansiosos, estressados ou preocupados com alguma situação. Hábitos ruins também contribuem para que o problema se instale e acabe com a expectativa de uma noite tranquila.

Pensando nisso, separei 5 dicas infalíveis para melhorar a qualidade do seu sono. Acompanhe e descubra como ficar longe das temidas olheiras!

1. Evitar atividades pesadas à noite

Manter-se em movimento é um dos segredos para uma vida ativa e feliz. Porém, há momentos adequados para praticar atividades mais vigorosas, o que não inclui a hora que antecede sua ida para a cama.

Durante o exercício seu corpo libera hormônios importantes que continuam agindo após a prática. Um deles é a adrenalina, responsável por deixar a pessoa disposta e com muita energia. Isso pode ser ruim se você tem dificuldades para dormir.

O ideal é se movimentar no máximo 4 horas antes de deitar. Após esse período o organismo já estará desfrutando dos benefícios das endorfinas, substâncias que trazem sensação de bem-estar e um relaxamento profundo.

2. Maneirar no consumo de cafeína

Presente no dia a dia de muitos brasileiros, o café tem substâncias psicoestimulantes que o tornam um excelente despertador. Isso já prova que a bebida não deve ser ingerida em excesso por quem sofre de insônia, certo?

Mas não é apenas o famoso grão preto que mantém você alerta. Alimentos como o chocolate, chimarrão e determinados chás também têm cafeína. Logo, estimulam a atividade cerebral, aumentam o estado de vigília e causam agitação. Por esse motivo, devem ser consumidos moderadamente e evitados no fim da tarde e período da noite.

3. Fazer refeições leves e equilibradas

O cuidado com o que você ingere, em especial no jantar, faz toda a diferença na qualidade do sono. A última refeição do dia deve ser leve para facilitar o processo de digestão e evitar desconfortos como azia, gases ou queimação. Também precisa ser equilibrada para manter o corpo nutrido durante o jejum.

Frutas, legumes e alguns cereais são boas pedidas. Para quem pretende combater a insônia, a dica é buscar alimentos que contenham triptofano, um aminoácido que regula os níveis de serotonina no cérebro e diminui a atividade do organismo — mel, alface e leite têm essa substância.

Também ajuda consumir produtos que estimulem a produção de melatonina, presente na cereja, banana, nozes e aveia. O hormônio é benéfico por estimular o repouso e garantir descansos revigorantes.

4. Ter cuidado com as luzes

Acha difícil deitar sem levar o celular, tablet ou notebook para a cama? Pois saiba que esse hábito pode estar diminuindo suas horas de sono, já que a luz das telas prejudica a produção da melatonina. O resultado é mais tempo acordado e menos disposição no dia seguinte.

Não é fácil largar hábitos ruins, por isso, comece aos poucos. Apague a luz central do quarto e mantenha apenas abajures ou velas em pontos específicos, a fim de criar uma atmosfera agradável. Também diminua o brilho dos dispositivos e determine um limite de tempo para navegar na internet.

5. Ouvir sons relaxantes

Essa dica não envolve aquela playlist favorita que você costuma escutar em festas com os amigos, dentro do ônibus ou em viagens de carro. Isso porque muitas músicas têm ritmos acelerados que tendem a deixar seu cérebro atento e o corpo agitado.

Em vez disso, procure reproduzir sons relaxantes e calmos, como aqueles que simulam a chuva caindo, as fagulhas de uma fogueira, um córrego passando por pedras, entre outros. Melodias com flauta e cantos suaves também costumam funcionar.

Se você não curte esse tipo de som, pode apostar em vídeos de meditação ou fazer leituras na cama. Antes disso, procure tomar um banho ou beber uma xícara de chá sem cafeína (infusões de camomila, erva-doce ou melissa, por exemplo) para manter o corpo aquecido e completamente relaxado.

Essas dicas certamente vão ajudar você a combater a insônia e desfrutar de noites agradáveis. Para potencializar os resultados, experimente aplicá-las simultaneamente.

Conhece outras maneiras de melhorar o sono? Escreva nos comentários e compartilhe com os outros leitores!