Não sei se você sabe, mas mais de 60% do corpo humano é composto por água. O líquido que possibilita a vida é parte integrante de células, dos sistemas e é o maior componente do sangue, por exemplo. Mesmo assim, muita gente não dá a atenção necessária ao consumo de água.

Tão importante quanto comer bem ou praticar exercícios físicos, esse hábito tem que ser reforçado do jeito certo. Então, tudo começa com o entendimento sobre o papel da hidratação em nosso organismo.

Para ajudá-lo, apresento a relevância do consumo de água e os benefícios associados. Quer ver? Continue a leitura!

Qual é a importância da ingestão do líquido?

Como é um importante componente do organismo, faz sentido dizer ser o consumo de água determinante para o funcionamento e até para a sobrevivência do corpo humano. Por meio da ingestão adequada do líquido, é possível, em primeiro lugar, repor todas as perdas que acontecem ao longo do dia.

Além disso, a quantidade correta de água permite que o sangue circule da forma certa e favorece a eliminação de toxinas. O corpo entra em um ciclo otimizado, o que ajuda a manter o metabolismo em níveis ideais.

Também é um jeito de suprir as necessidades das células, de modo que existe uma sensação muito melhor diante da ingestão mínima recomendada.

Qual é a quantidade diária de consumo de água?

Por dia, em média, o corpo elimina de 2 a 2,5 litros de água. Como ele não é capaz de armazenar para outras oportunidades, tudo o que é perdido em um dia tem que ser reposto.

No entanto, não significa que esse é o número universal. A recomendação da quantidade mínima depende de vários fatores. Quem pratica atividades físicas, por exemplo, transpira mais e precisa de um volume maior de líquidos. O mesmo vale para quem está em climas quentes ou tem um metabolismo acelerado. Já as pessoas com problemas renais precisam regular a quantidade para não sobrecarregar o órgão.

Em média, o consumo de água vai de 1,5 a 3 litros por dia. O nutricionista é o profissional indicado para determinar as exigências de acordo com peso, estilo de vida e condições corporais.

Quais são os benefícios da hidratação?

Realizar a ingestão adequada da água, como eu disse, faz o corpo funcionar melhor. Uma vez que o sangue é quase inteiramente composto por esse líquido, a circulação é otimizada. As trocas gasosas são facilitadas, o que aumenta a oxigenação e a expulsão de toxinas.

A pele é outra grande favorecida. Nas mulheres, significa uma redução da aparência da celulite, por exemplo. Também é um jeito de deixar a cútis com um aspecto maleável e de reduzir o aparecimento de rugas.

Outro ponto positivo é que o intestino funciona melhor. Com a quantidade certa de água, não há problemas como a temida prisão de ventre. Isso evita o acúmulo e diminui o inchaço. Devido ao fato de os rins estarem funcionando corretamente, não ocorre a retenção de líquidos.

Para completar, fica fácil controlar a temperatura corporal, e é possível até se sentir mais bem-disposto.

Quais são os riscos gerados pela desidratação?

Por outro lado, a falta de hidratação causa prejuízos. Recomendo que você os conheça para evitar o quadro, já que isso pode fazer muito mal para a saúde.

Os primeiros sintomas da desidratação são a boca seca e as dores de cabeça. Conforme o grau de falta de água aumenta, passam a ocorrer a fadiga e até a dificuldade de respirar. Dependendo do caso, pode haver confusão mental.

Em médio e longo prazo, há constipação intestinal e até problemas nas juntas e nos músculos, já que eles dependem do líquido.

O consumo de água tem que ser feito de acordo com as recomendações diárias. A partir das informações que apresentei, você poderá cuidar melhor desse aspecto e aproveitar a máxima qualidade de vida!

Como são os seus hábitos na hora de se manter hidratado? Conte nos comentários e participe do debate!