Com o crescimento do número de casos de Covid-19 em todo o país e no mundo, surgem várias dúvidas a respeito da transmissão do vírus. Afinal, coronavírus como se transmite? É possível ser infectado pelo ar? Quais são os sintomas da doença? Quais são os cuidados de prevenção?

 

Para que você possa se prevenir de maneira eficaz e segura, a Comigo Saúde preparou este artigo completo sobre como o vírus se propaga e o que você pode fazer para proteger a si mesmo e à sua família.

Coronavírus: como se transmite?

Devido ao cenário atual, existem muitas dúvidas a respeito do contágio do coronavírus. E é importante estar ciente de que a pessoa pode ser infectada pelo vírus tendo contato com a saliva ou a secreção nasal de alguém contaminado.

Ademais, você pode se infectar tocando em um objeto infectado, por exemplo. Segundo especialistas, o vírus se mantém ativo nos objetos e em superfícies por até três dias. “Por isso, é muito importante manter a higiene das mãos”, explica o cardiologista Rudyney Azevedo.

O médico ainda complementa a recomendação: “A medida vale principalmente depois de sair em público, como ida a supermercados e farmácias”, explica o doutor.

O coronavírus se transmite pelo ar?

Segundo estudos do The New England Journal of Medicine publicados nas últimas semanas, após um espirro ou tosse contaminada em um ambiente, como sala ou quarto, por exemplo, o vírus pode permanecer vivo no ar por até três horas.

Por isso, para conter a transmissão do coronavírus, é muito importante, além da higiene das mãos, usar máscaras em locais públicos, manter os ambientes sempre arejados e, se possível, ficar em isolamento social mesmo sem ter os sintomas do vírus.

Quais são os sintomas do coronavírus?

A doença pode apresentar uma série de sinais que variam de acordo com cada um. Inclusive, há casos em que o paciente está infectado, mas não apresenta nenhum indício de Covid-19. Os principais sintomas são:

  • Dor de cabeça;
  • Febre;
  • Cansaço;
  • Tosse seca,
  • Falta de ar — em casos graves.

Ainda é possível identificar outros sintomas de coronavírus, como: dor de estômago, náusea, vômitos e diarreia. Vale lembrar que em cerca de 80% dos casos, a evolução clínica é de uma gripe ou resfriado comum, com sintomas relacionados às vias aéreas superiores: coriza, alterações do paladar e olfato, febre baixa, dor de garganta e de cabeça.

Como é feito o diagnóstico?

Depois do aparecimento dos sintomas, o paciente deve permanecer em casa, se alimentar bem, manter-se hidratado tomando líquidos, sucos, chá e apenas sintomáticos, como paracetamol.

Se houver piora dos sintomas, principalmente com falta de ar (dispneia), o paciente deve procurar atendimento médico para que seja feito um diagnóstico. A presença da doença é confirmada após ser feito um dos testes de coronavírus, que vão indicar se o paciente encontra-se ou não infectado.

Após a confirmação e as orientações necessárias, se o paciente não fizer parte do grupo de risco ou não apresentar sintomas graves da Covid-19, ele é medicado e orientado a permanecer em quarentena por, no mínimo, 15 dias. Caso seja apontado o agravamento da doença, o paciente segue em observação e cuidados na unidade de saúde.

Onde fazer o teste de coronavírus?

Existem vários laboratórios parceiros da Comigo Saúde aplicando os testes de coronavírus. Os valores oscilam de R$ 200 a R$ 280. Para maiores informações, entre em contato com nossa central de atendimento pelo WhatsApp no número (11) 95185-8015 ou, se preferir, realize o agendamento do exame pelo nosso site.

Como se prevenir do coronavírus?

Após o grande aumento de casos e transmissão geral, em que não é possível mais encontrar a fonte que distribuiu o vírus, é muito importante adotar vários cuidados preventivos, e não só para os integrantes do grupo de risco, afinal, todos podem acabar adquirindo o coronavírus.

Conforme explica o cardiologista Rudyney Azevedo, “evite ao máximo sair de casa, principalmente para ver os familiares, sendo idosos ou não. Além de você estar exposto, pode estar infectado mesmo sem saber, e infectar seus amigos e familiares, por isso, se possível, fique em casa e se proteja”, salienta o médico.

Recomendações para se prevenir do coronavírus:

  • Evite ao máximo que conseguir as idas ao supermercado e a outros locais de grande concentração de pessoas. Se sair, utilize máscaras, luvas e lave as mãos assim que chegar em casa;
  • Mantenha os ambientes sempre arejados, facilitando a circulação de ar;
  • Mantenha sua saúde em dia com uma alimentação saudável e seguindo as recomendações médicas nas consultas e exames;
  • Nunca se automedique, assim como outras doenças, existem medicamentos que podem agravar o quadro clínico, por isso, sempre procure orientação médica;
  • Não compartilhe objetos pessoais, como pratos, copos, talheres, toalhas, roupas e calçados,
  • Lave as mãos sempre com água e sabão, esfregando entre os dedos e todas as outras partes.

Agora que você já sabe tudo sobre o coronavírus, como se transmite, quais os sintomas e o diagnóstico, previna-se! Cuide da sua saúde e a de seus familiares para que, juntos, possamos vencer a Covid-19.

Assim, aproveite as vantagens que a Comigo Saúde oferece no agendamento de exames, para que você possa garantir o acesso a profissionais de qualidade por um preço acessível para toda sua família.

Texto revisado pelo Médico especialista em Cardiologia pela Sociedade Brasileira de Cardiologia, Doutor em Ciências da Saúde pela UNIFESP – Escola Paulista de Medicina e Médico do Fleury Medicina e Saúde e do corpo clínico do Hospital Israelita Albert Einstein. Dr Rudyney Azevedo, CRM 101.991